Da redação

O paraguaio Manoel Melgarejo Nunes, de 27 anos, morador em Santa Rosa, no Paraguai, preso pela Polícia Militar Rodoviária com quase 5 mil quilos de maconha, disse em depoimento ao delgado, na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário), em Dourados, que não sabia da existência da droga no micro-ônibus, e tão pouco, “conheço maconha”.

Segundo informações apuradas pela reportagem, Manoel, que foi autuado em flagrante por tráfico de drogas, teria dito também que pegou carona no veículo com um amigo, brasileiro, e que o mesmo lhe ofereceu carona até o Rio de Janeiro.

Como noticiado mais cedo, os policiais apreenderam o micro-ônibus com placas de Campo Grande, ontem (30), por volta das 23h, na MS-379, entre Dourados e Laguna Carapã.

Segundo o boletim de ocorrência, a PMR realizava patrulhamento na rodovia quando deu ordem de parada, porém o motorista que não obedeceu, empreendeu em fuga, e acabou caindo num barranco.

Os tabletes de maconha contêm nomes ou iniciais de nomes, assim como nos volumes prensados de skunk. Também foram apreendidas oito garrafas de dois litros cada, com sementes de maconha, e após pesagem, o entorpecente totalizou 4.440kg.

Veja também

Olá, deixe seu comentário para Preso com quase 5t de maconha diz não saber da existência da droga em veículo