22/12/2023 11:56 Há 4 meses

Mulher denuncia tráfico de drogas em carona solidária e autor vai preso



Da redação

Na tarde de quinta-feira (21/12), uma mulher procurou o 4º BPM (Batalhão de Polícia Militar) de Ponta Porã, na fronteira com o Paraguai, para denunciar o crime de tráfico de drogas que aconteceria em uma ‘carona solidária’.

De acordo com a Polícia Militar, a denunciante contou que viajaria até Campo Grande, onde visitaria a família, e ofereceu carona em grupos de aplicativo de mensagens. Um rapaz, de 19 anos, aceitou e disse que pagaria R$ 200 para ajudar no combustível.

Entretanto, ele desistiu da viagem, mas pediu para que a motorista entregasse erva de tereré em Maracaju, o que inicialmente foi aceito por ela. Lá, outro indivíduo receberia a mercadoria.

A comunicante, então, foi até o endereço indicado pelo autor, o qual colocou quatro embalagens de erva de tereré no porta-malas do veículo. Enquanto dirigia, a mulher sentiu forte cheiro de maconha e desconfiada do conteúdo das embalagens, foi até o Batalhão da Polícia Militar e lá, foi constatado a mercadoria era, na verdade, 10,8 quilos de maconha e 2,6 quilos de skank.

O autor foi identificado e encontrado em uma praça de Ponta Porã, onde durante a checagem dos documentos, os policiais se depararam com um mandado de prisão em aberto.

Diante dos fatos, o jovem recebeu voz de prisão e foi conduzido até a Delegacia de PC (Polícia Civil) de Ponta Porã, por força da ordem judicial e também por tráfico de drogas.

Veja também

Olá, deixe seu comentário para Mulher denuncia tráfico de drogas em carona solidária e autor vai preso