Com Ligado Na Notícia Fotos: Sidinei Bronka

Preso por volta das 16h desta segunda-feira (28), pela Polícia Civil de Laguna Carapã, Eurico Rodrigues, de 41 anos, acusado de ter assassinado a própria esposa, Cleide Irala, de 36, no último sábado (26), naquele município.

Eurico disse aos policiais num primeiro momento, que estava bebendo com Cleide, tiveram uma discussão, decidiram fazer sexo, e após o ato, voltaram a discutir. Momento que, segundo ele, passou a ser agredido pela mulher, e para se defender, acabou dando um soco nela, foi então que ela teria caído no poço.

O acusado entrou em contradição quanto a versão dos fatos, e a filha do casal acabou afirmando ao delegado que viu o pai batendo na mãe e a jogando no poço, que fica na Fazenda Santa Fé, a 35km de Laguna Carapã.

Conforme o apurado pela reportagem, Eurico disse antes de confessar o crime, que teria procurado a esposa no sábado à noite ao acordar e ontem, durante o dia, a encontrando no poço.

Diante dos fatos, o homem foi autuado em flagrante por feminicídio, e está preso na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário), em Dourados.

Veja também

Olá, deixe seu comentário para A delegado, criança conta que viu pai batendo e jogando a mãe em poço