Da redação

A temporada de convenções partidárias em Dourados vai iniciar com PP, do vereador Alan Guedes. De acordo com o novo calendário eleitoral, estabelecido por causa da pandemia da covid-19, o prazo para definição pelos partidos de candidatos aos cargos de prefeito, vice-prefeito e vereador vai até o dia 16 de setembro. A campanha oficial de rua começa dia 27 de setembro.

Pela primeira vez na história, por causa da pandemia do novo coronavírus, os partidos poderão optar por realizar as convenções virtualmente. Considerada uma das etapas principais do processo eleitoral, além de escolher os candidatos que disputarão o pleito, nessa reunião, os partidos também decidem se vão participar da eleição majoritária (prefeitos e vice-prefeitos), proporcional (vereadores), ou ambas e sorteiam os números com os quais os candidatos irão concorrer.

O Propressista realizará convenção no feriadão da Independência, 7 de setembro, 10h, na escola estadual Presidente Vargas. Em seu segundo mandato de vereador e na presidência da Câmara Municipal, Alan Guedes decidiu tentar voo mais alto. Aos 34 anos ele é o pré-candidato a prefeito mais jovem. Além de vereador é advogado e professor universitário. Em 2018 Alan disputou eleição para deputado federal, mas não venceu.

No sábado, dia 12, será realizada a convenção do DEM, do deputado estadual José Carlos Barbosa, o Barbosinha. O evento será na Câmara de Dourados, às 14h. Ele está no segundo ano de mandato, presidiu a Sanesul, foi secretário de estado de Justiça e Segurança Pública e prefeito na cidade de Angélica, início dos anos 90. Barbosinha também é advogado e professor universitário.

O PT, que não concorre eleições há três pleitos municipais, terá convenção dia 13, às 9h30, de forma virtual. O pré-candidato é o professor universitário João Carlos de Souza, da UFGD. Militante antigo do partido, há três décadas, essa será a primeira vez que ele sai candidato em na cidade.

O PMN do jornalista Jeferson Bezerra escolheu o dia 16, data limite para convenção. No entanto, há chance do partido fazer coligação, disputando as eleições apenas com candidatos a vereador. Em 2016 Jeferson saiu candidato a vereador pelo PV, mas não foi eleito.

O PSD da advogada Daniella Hall decidirá até sexta a data da convenção partidária. Vereadora de primeiro mandato, ela entrou para a Câmara de Dourados ocupando o cargo de presidente do Legislativo, biênio 2017-2018. Bastante atuante nas redes sociais, Daniela é dos vereadores que mais fazem cobranças à prefeitura.

Quem também ainda não decidiu a convenção é o PSB do médico oncologista Davi Infante. Médico há 16 anos na cidade, ele tem falado que a pandemia mostrou que pode ter mais uma forma de contribuir com a população, por isso colocou o nome à disposição como pré-candidato a prefeito.

Eleções
Por causa da pandemia do novo coronavírus, o Congresso Nacional adiou os dias de votação de 4 de outubro para 15 de novembro, no primeiro turno, e de 25 de outubro para 29 de novembro, no segundo turno.

Em Dourados, as mulheres são maior número de eleitores (87.660), com o percentual de 53,3%. Já o eleitorado masculino representa 46,7%, totalizando 76.735 eleitores.

 

Dourados Agora

Veja também

Olá, deixe seu comentário para Progressita é o primeiro a realizar convenção para as eleições municipais em Dourados