24/11/2023 16:25 Há 5 meses

Durante a assinatura de convênio de R$ 1,8 milhão à Casa Paraguaia de Dourados Renato anuncia emenda para sala de computação



Deputado Renato Câmara ao assinar convênio que garante a reforma e ampliação da sede da Casa Paraguaia de Dourados

O deputado estadual Renato Câmara (MDB) participou, na tarde desta quinta-feira (23-11), do ato de assinatura de convênio para a reforma e ampliação da sede da Casa Paraguaia de Dourados. Os investimentos de mais de R$ 1,8 milhão serão feitos pelo Governo do Estado. O governador Eduardo Riedel liderou a solenidade que contou com as presenças do vice-governador José Carlos Barbosa - Barbosinha, do prefeito Alan Guedes, do presidente da Associação, Sérgio Lemes da Rosa, dentre outras lideranças.

Durante a assinatura de convênio de R$ 1,8 milhão à Casa Paraguaia de Dourados Renato anuncia emenda para sala de computaçãoO vice-presidente da Assembleia Legislativa reafirmou o seu compromisso e da ALEMS com a comunidade paraguaia de Dourados. “Fiz compromisso com o presidente Sérgio de colocar uma emenda parlamentar para, após a reforma, ter aqui a sala de computação. Desta forma, contemplamos esta comunidade”, anunciou o deputado. “Parabéns ao governo do Estado que teve esta sensibilidade de estender a mão para a comunidade paraguaia que é tão importante para Dourados e para Mato Grosso do Sul”, frisou Renato Câmara.

As famílias paraguaias que prestigiaram a assinatura do convênio entre o Estado e a Associação, não esconderam o contentamento pelos investimentos confirmados pelo governador Eduardo Riedel e também pela equipe de seu governo, dentre eles, o secretário Eduardo Rocha (Casal Civil) e o presidente da FCMS, Eduardo Mendes. Também presentes o deputado federal Geraldo Resende e representantes da comunidade.

   Durante a assinatura de convênio de R$ 1,8 milhão à Casa Paraguaia de Dourados Renato anuncia emenda para sala de computação

"A cultura é a essência sul-mato-grossense e está associada a cultura paraguaia, presente em diversas áreas. Por isso estamos fazendo um investimento como este. Dourados merece celebrar a cultura paraguaia em local adequado", disse o governador Eduardo Riedel. O repasse para reconstruir o prédio que há mais de 20 anos abriga as tradições do povo paraguaio em Dourados, será autorizado por meio da FCMS (Fundação de Cultura de Mato Grosso do Sul), oriundo do FIC (Fundo de Investimentos Culturais).

Durante a assinatura de convênio de R$ 1,8 milhão à Casa Paraguaia de Dourados Renato anuncia emenda para sala de computaçãoO prédio atual passará por intervenções que vão mudar completamente a estrutura atual, que ficará mais moderna e funcional. A reivindicação da Colônia Paraguaia prevê a reforma da cobertura, banheiros masculino e feminino, cozinha, bar e área da churrasqueira e o camarim, além da construção de banheiro com acessibilidade. O projeto contempla o fechamento do salão, construção e modernização da fachada, mezanino com área administrativa, acesso com bilheterias e implantação de estacionamento, entre outras intervenções.

"É uma alegria enorme poder constatar que agora a reforma será executada. Essas melhorias irão valorizar nossa cultura paraguaia que está tão presente em Dourados e em todo o Estado com as tradições paraguaias incorporadas e enraizadas em solo sul-mato-grossense, seja na música através do chamamé, da polca e guarânias; na culinária através da chipa, sopa paraguaia, churrasco com mandioca e o pucheiro; e, especialmente através do tereré, bem como outros costumes. Hoje, são aproximadamente 30 mil paraguaios em Dourados e, com certeza, todos estão comemorando esta importante conquista”, afirmou Sérgio da Rosa.

Veja também

Olá, deixe seu comentário para Durante a assinatura de convênio de R$ 1,8 milhão à Casa Paraguaia de Dourados Renato anuncia emenda para sala de computação